Por que a luz do seu interior se Apaga?

241

Novo aqui?

Olá!
Eu sou Karina.
Torne-se no seu próprio Líder e isso definirá a sua vida para sempre.
A minha missão é fazer com que isso aconteça.

Viver é um constante desafio. Parecemos malabaristas a equilibrar-nos perante as diferentes situações e sentimentos — alegria, raiva, paz, tristeza, deceção, paixão— que se vão apresentando conforme caminhamos na corda bamba da vida.

Entre um desses sentimentos, temos a frustração. Definida como uma reacção a uma expectativa não correspondida, que emerge ante a impossibilidade de satisfazer um desejo, a palavra frustração, com a sua origem no latim, frustrationem, frustrātiō, significa desapontamento, decepção, que por sua vez está relacionada com frustrō, que significa, enganar, ato feito “em vão”, erro. Eu defino a frustração prolongada como a luz, a energia, do seu interior apagada.

A frustração acontece quando pensou que podia usufruir de algo mas isso não aconteceu. Imagine que tenha comprado antecipadamente um bilhete para ver um espetáculo e, de repente, não pôde comparecer ao evento. Ela se manifesta também em situações de desapontamento, como você ter confirmada uma reunião de negócios com um cliente e, após dias de trabalhar numa apresentação para ele, o cliente desiste da reunião. De alguma forma é um nível de insatisfação, de desapontamento passível de ser gerido.

Mas a frustração também pode ser um acúmulo de situações que pensa para si que errou, falhou, que se enganou, somadas ao sal do desgosto, como as coisas não correrem como planeado na sua vida, processos ineficientes no trabalho que o desmotivam, não ser ouvido ou reconhecido pelo seu chefe, ter desentendimentos constantes com o seu parceiro/a ou uma comunicação deficiente com respostas de uma palavra só, revirar dos olhos, ou demonstração de desinteresse.

Crescemos numa sociedade que apesar de o prazer e a satisfação serem constantemente enfatizados, e a frustração ser vista como a pior experiência que se pode ter, o facto é que, como adultos, psicologicamente saudáveis, sabemos que estamos a nos equilibrar na corda bamba entre os dois lados, alegria-tristeza, encantamento-deceção, para não cair. E nos habituámos tanto a procurar não cair, que de repente a luz interior se apaga.

Não posso dizer se a vida mata-me, ou torna-me mais forte!

KARINA M. KIMMIG

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

De que luz apagada eu falo?

É morrer em vida. «Nada fiz. O tempo me fugiu, E à Beleza nem uma estátua ergui! Na mente firme nem credo ou sonho vi, E a alma inútil em vão se consumiu», como escreveu Alexandre Search (heterónimo de Fernando Pessoa) no poema “Morte em Vida”.

É quando arrastamos situações que já nos trouxeram constante frustração, que outrora a raiva, ou o choro nos fizesse exprimi-la, agora, apenas reside o desencantamento, e a tranquilidade da deceção. É quando estamos como que anestesiados emocionalmente, sem sentir prazer no que fazemos, ou na relação que temos. É quando o mau humor já não é mau, porque o humor simplesmente deixou de existir. É a alma que se consome, no tempo que passa, em desencanto consigo, com o outro, com a vida, não usufruindo com entusiasmo cada único momento que a vida lhe apresenta.

É quando desenvolvemos uma elevada resistência as decepções, uma tolerância contínua perante os desfazeres e descasos, evitando, a todo custo, numa pseudo-segurança, “chutar o pau da barraca”, “quebrar a loiça”, pois estamos preguiçosos em nos alegrar, acomodados em nos aventurar.

Quando se atinge esse nível, perante a “red line”, há que urgentemente recuperar a ousadia. É quando chegou a hora de virar a mesa, que por medo, por protelar anos uma decisão, não age com aquilo que está nas suas mãos mudar – o curso, o trabalho, a relação – “afinal, todos os trabalhos são assim mesmo”; “não era exatamente o que eu queria, mas de qualquer forma serve”; “não sou feliz na relação, mas a pessoa não é má”; e assim por diante.

Não queira continuar com a sensação que deveria ter amado mais, ter errado mais, ter arriscado mais. Antes que a energia se esgote, que lhe mate, torne a frustração o seu aliado na mudança, acenda a sua luz.


Artigo original publicado em Maio de 2017.

Você pode gostar...
Previous
Next

Seja uma força para o bem! Prepare-se para aprender extraordinárias dicas e conceitos nesta coleção sobre Comunicação, Social Skills, Relacionamento Interpessoal, Sistema Social e Sustentabilidade↗. Nós, seres humanos, somos criaturas sociáveis, e, por essa razão, a conexão social ajuda-nos a reduzir os efeitos negativos do stress, a aumentar a autoestima, a prolongar a longevidade e nos faz mais felizes. Inspire-se a ir além de si mesmo e torne-se num poderoso agente de mudança pró-social que o mundo precisa!

Seja um Líder Humano! Prepare-se para ganhar novas perspectivas e fortalecer os seus músculos humanísticos, nesta coleção sobre Liderança Consciente, Performance, Estratégias Mentais, Gestão de Tempo & Stress, Humanistic Management↗. O verdadeiro poder de um líder está na sua autoliderança. Do seu “centro interno” partem comportamentos diários e decisões que impactam no comprometimento da sua equipa, na gestão dos recursos, na rota dinâmica da empresa e moldam o futuro da humanidade.

Crie a vida que você ame! Prepare-se para ideias inspiradoras e orientações excecionais nesta coleção sobre Propósito & Qualidade de Vida, Autoconsciência, Valores & Crenças↗. Construir a sua força mental e emocional, cuidar dos seus recursos preciosos, que são tempo e energia, conectar-se com os seus pontos fortes, valores, talentos, as suas ideias originais para expressar o seu Ser, o conduzirão a uma vida mais satisfatória, e consequentemente mais feliz. Você é seu maior ativo!

Seja Único, seja você! Prepare-se para acelerar transformações na sua vida e ter dicas nesta coleção sobre Emoções, Autoconfiança, Autorresponsabilidade, Desenvolvimento Pessoal↗. Ao compreender melhor os seus processos mentais, os seus gatilhos emocionais e ter as técnicas apropriadas para ultrapassar os seus medos, as suas indecisões, a falta de confiança, ou as suas dúvidas, você desperta os seus recursos internos, permite a manifestação da sua essência, para ser o seu próprio líder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Revista Humanistic Academy

COMO COMEÇAR A

LIDERAR

A SI MESMO?

Faça o download GRATUITO desta revista para aprender estratégias efetivas que lhe fornecerão a clareza e a confiança necessárias para que mudanças incríveis comecem a acontecer na sua vida.

Don’t Be A Stranger…

Just write down some details and our customer success heroes will get back to you in a jiffy!

Contact Info